CLAYTEX 250

Tela impermeabilizante a base de bentonita de sódio (largura 250 cm)

Código: PRS.0225

Componentes: 1

Aspecto: Rolo

Tapete impermeabilizante flexível para impermeabilização ativa de estruturas abaixo da quota, que contém um estrato uniforme de bentonita de sódio granular, com elevado conteúdo de montmorilonite, equivalentes a 5.0 kg/m², constituído por um tecido geotêxtil agulhado com fibras de nylon interfaceado por geotêxtil não tecido em peso 100%. CLAYTEX 250 é fornecido em rolos de 2,50 x 20 m (50 m²), com peso de 280 kg por rolo.

Certificações obtidas e Regulamentos

Produto da linha Sanageb, a linha de produtos da Azichem Srl dedicada, desde 1994, aos produtos para a bioconstrução e o "green building", o saneamento ecológico, o isolamento térmico e a economia energética.

Sanageb - Prodotti naturali per la Bioedilizia

Produto da linha Sanageb, a linha de produtos da Azichem Srl dedicada, desde 1994, aos produtos para a bioconstrução e o "green building", o saneamento ecológico, o isolamento térmico e a economia energética.

Geossintéticos com função de barreira

EN 13491

Geossintéticos com função de barreira

Características gerais

conservação

Conservação: 12 meses

largura

Largura: 250 cm

comprimento

Comprimento: 20 m

Especificações técnicas

Adesão ao suporte

3.0±0.2 N/mm²

Conteúdo de Montmorillonite

>90 %

Resistência à punção estática

2000±100 N

Coeficiente de permeabilidade

<1E-11 m/s

Fluid loss

<18 ml

Peeling

200±10 N/m

Fluxo

<5E-9 m³/m²

Resistência à tração longitudinal

12.5±0.6 kN/m

Massa de areia da bentonita

5000±100 g/m²

Alongamento de ruptura longitudinal

<30 %

Espessura a seco

6 mm

Cores disponíveis

- Bege

Embalagens e dimensões

- Rolo 50 m²

Características

Os produtos da linha CLAYTEX são constituídos por vedantes naturais ativados pela água, com notáveis propriedades autovedante. O seu estrato de bentonita é contínuo e uniforme. A porosidade das telas de proteção e contenção tem por finalidade permitir uma rápida e correta hidratação do material hidroexpansivo.

O estrato geotêxtil inferior dos produtos CLAYTEX é constituído em tecido de polipropileno de 115 g/m², enquanto o geotêxtil superior é de não tecido de polipropileno de 220 g/m².

Consumos

1,1 m²/m² : Utilizar 1 m² de CLAYTEX 250 para cada m² de superfície a ser revestida, com a precaução de sobrepor os rolos de pelo menos 10 cm em correspondência com as bordas do tapete para garantir a vedação hidráulica permanente do sistema.

Campos de uso

Impermeabilização de estruturas enterradas em geral, na presença de lençol freático a risco. Impermeabilizações de bacias de contenção de águas, canais hídricos e aterros sanitários.

Preparação dos suportes

As superfícies das paredes de aplicação não devem ter protuberâncias, cavidades, concentração de cascalho, furos que passam por cofragens, descontinuidades de juntas de construção, etc. Por esse motivo, primeiro devem ser regeneradas com argamassa sem retração (REPAR família) ou com preparações de bentonita (CLAYGRAIN). O suporte deve ser absolutamente compacto, caso contrário será necessário criar, antes da posa da tela de bentonita, um adequado substrato de betão.

Modalidade de uso

Os tapetes devem ser posados preferencialmente com o lado de polipropileno voltado para o suporte (o lado mais escuro) e fixados mediante pregos de ancoragem com anilhas; nas paredes verticais a posa deve proceder a partir de baixo, após ter realizado uma oportuna moldura côncava de argamassa de cimento, a realizar preferencialmente com OSMOCEM 447, em correspondência com os cantos produzidos entre a laje e a parede para favorecer o desenho da tela.

Cada tapete deve sobrepor-se àquele adjacente por pelo menos 10 cm, com uma disposição que realiza um desfasamento das junções verticais. É indispensável cuidar do avesso dos tapetes em correspondência com as descontinuidades geométricas da obra, do topo das estruturas, etc. Prestar atenção especial durante o assentamento das telas de bentonita em correspondência aos cantos, poços, escadas e ferros da armação que saem da sola de base.

Suportes admitidos

- Rebocos

- Betão

- Argamassas cimentícias de cal e mistas

- Tufo

- Paredes mistas

- Paredes com tijolos furados

- Paredes de pedra

Advertências, precauções e Ecologia

Evitar efetuar as obras de cobertura com betão dos tapetes de bentonita com previsão de chuvas abundantes. Na impossibilidade de enterrar imediatamente é necessário providenciar a proteção temporária dos tapetes postos em obra mediante folhas de polietileno de 100-150 g/m².

No caso em que tenham sido instaladas telas de bentonita no exterior das paredes perimetrais, não enterrar a escavação com material diferente de areia (pedras afiadas, esmagadas pelo peso de agregados secos, pode rasgar o tapete de bentonita).

Para ulteriores informações, contactar o nosso Serviço Técnico.

Compartilhar

Produtos na vitrina

  • Floortech Prerit
  • Syntech Poliurea
  • Syntech H.A.G.