GROUT iTOP

Argamassa de colagem estrutural de secagem rápida (24 horas)

Código: GRT.0351

Componentes: 1

Aspecto:

GROUT iTOP é uma argamassa cimentícia expansiva e estrutural de elevado rendimento por cm de espessura, aplicada por colagem em ancoragens de precisão, na construção e na reparação de estruturas de betão degradado. GROUT iTOP é conforme aos requisitos da norma EN 1504/3 enquanto argamassa de reparação estrutural, caracterizada por elevado rendimento (classe R4) e resistência após as primeiras 24 horas de assentamento (>35 MPa). A argamassa GROUT iTOP é ligeiramente expansiva durante a fase plástica e o endurecimento; resistente à exposição a condições ambientais agressivas, protege as armaduras e minimiza o risco de corrosão.

Linee di appartenenza

Certificações obtidas e Regulamentos

Produtos e sistemas para proteção e reparação de estruturas de betão - Ancoragem da armação de aço

EN 1504-6

Produtos e sistemas para proteção e reparação de estruturas de betão - Ancoragem da armação de aço

Produtos e sistemas para proteção e reparação de estruturas de betão - Reparação estrutural e não estrutural (R4)

EN 1504-3

Produtos e sistemas para proteção e reparação de estruturas de betão - Reparação estrutural e não estrutural (R4)

Características gerais

conservação

Conservação: 12 meses

temperatura-de-uso

Temperatura de uso: +5°/+35 °C

diâmetro-máximo-agregado

Diâmetro máximo agregado: 6 mm

Especificações técnicas

Extração de barras de aço a uma carga de 75 kN (EN 1504/6)

< 0.6 mm

Resistência à flexão aos 28 dias

> 12 MPa

Resistência à compressão aos 28 dias

> 75 MPa

Absorção capilar

< 0.5

Adesão ao concreto (teste de corte)

> 6 MPa

Ausência de bleeding segundo UNI 8998

Resistência ao fogo

A1 _

Resistência à flexão em 01 dia

> 7 MPa

Resistência à compressão aos 01 dia

> 38 MPa

Densidade

2350 g/l

Módulo elástico estático

29.000 MPa

Cores disponíveis

- Cinza

Embalagens e dimensões

- Saco 25 kg

- Pallet: 50 x (Saco 25 kg)

Características

Principais características da argamassa GROUT iTOP:
• a mistura de ligantes superfinos de elevada resistência com sílicas micronizadas de actividade pozolânica torna a argamassa impermeável à água e extremamente durável em condições severas de exposição (classes de exposição XC, corrosão induzida por carbonatação, XF, ataque pelo gelo/degelo, XA, ataque químico, XS e XD, corrosão induzida por cloretos);
• o pH extremamente alcalino (> 12) protege os ferros das armaduras da corrosão;
• a reduzida transpirabilidade em contacto com o dióxido de carbono confere às argamassas endurecidas elevada protecção anti-carbonatação.
• Nos casos previstos ou se for caso disso, é possível juntar à argamassa GROUT iTOP fibras de aço READYMESH MM-150 numa proporção de 25 kg/m3 (300 gramas para cada saco de 25 kg de GROUT iTOP). Para aplicar em espessuras superiores a 8 cm, é possível acrescentar entre 25% e 35% de GHIAIETTO 6.10 (gravilha seca de granulometria entre 6 e 10 mm, específica para acrescentar a argamassas de colagem estrutural, por forma a melhorar a curva granulométrica em função do aumento da espessura de enchimento requerida);
• elevadíssima fluidez e capacidade de deslizamento, propriedade determinante para garantir o enchimento de vazios em escoras e cofragens de pouca espessura;
• elevado desempenho mecânico quer se trate de cura rápida ou demorada;
• elevada aderência ao betão e ao aço.

Consumos

Cerca de 19 kg/m² de GROUT iTOP para cada centímetro de espessura a ser feito (cerca de 1900 kg para cada metro cúbico).

Campos de uso

A argamassa GROUT iTOP é particularmente indicada para ancoragens de precisão de pilares de aço, turbinas, compressores, alternadores, fornos frontais e horizontais, fresadoras, plainas, prensas, cabeços de amarração, moinhos, pás eólicas, cortadores de pedra e maquinaria em geral. No sector das obras rodoviárias, é particularmente indicada na ancoragem de juntas estruturais e na fixação de guardas de segurança rodoviária.

Preparação dos suportes

As superfícies de aplicação devem estar limpas e compactas, sem nenhum tipo de sujidade, partes friáveis e/ou soltas e poeiras, bem como suficientemente rugosas para permitir uma boa aderência mecânica ao suporte e à injecção da GROUT iTOP. Humedecer o betão até à saturação com água durante pelo menos oito horas antes de injectar a argamassa. Retirar o excesso de água com esponjas ou jactos de ar até o suporte ficar saturado com a superfície seca. É sempre necessário um adequado rugosidade das superfícies por escarificação, jato de areia, etc. para obter os valores máximos de adesão ao suporte. Os valores ótimos são obtidos com a hidro-escarificação de alta pressão. Desnudar os ferros em oxidação disruptiva ou profundamente oxidados, removendo a ferrugem dos ferros expostos (por jato de areia ou escovas abrasivas).

Modalidade de uso

Colocar na betoneira 2/3 (cerca de 2,5 litros por saco) da água de amassadura, acrescentar lentamente GROUT iTOP e a água que sobrou e misturar durante 3-4 minutos até obter uma pasta uniforme, com a consistência pretendida e sem grumos. A argamassa GROUT iTOP pode ser facilmente bombeada se for devidamente misturada com a quantidade de água adequada (não se aconselham bombas volumétricas, na medida em que a quantidade de água não está bem definida e a mistura do produto no circuito de bombeamento é rapidamente efectuada).
Para secções de ancoragem de grande altura, recomenda-se a adição de GHIAIETTO 6.10 (para mais informações, consultar a respectiva ficha técnica).
Temperatura de utilização entre +5° e +35°C
Proceder à desmoldagem das cofragens para evitar a extracção da água de amassadura e imperfeições na superfície (GROUT iTOP é extremamente aderente a diversos suportes, entre os quais a madeira e o aço, se não for devidamente desmoldado).
Em virtude das propriedades auto-nivelantes e auto-compactáveis do produto, dar especial atenção à fase vibração. O zelo excessivo durante a fase vibração pode piorar o resultado estético da aplicação.

Não utilizar sem contenções laterais apropriadas.

Monitorizar a protecção e a cura húmida das superfícies expostas.

Adoptar procedimentos de injecção que assegurem a ausência de vazios e de descontinuidades; injectar a argamassa numa só parte da zona de injecção para evitar bolhas de ar.

Métodos de aplicação

- Vazamento

Limpeza de ferramentas

- Água

Suportes admitidos

- Betão

- Pré-fabricados

- Paredes mistas

- Paredes com tijolos furados

- Paredes de pedra

- aço

Contactar-nos agora

Vuoi saperne di più sui nostri prodotti?

Atenção, preencher corretamente este campo.
Atenção, inserir um endereço email válido.
Atenção, preencher corretamente este campo.

Ao enviar, eu aceito a declaração de privacidade

Atenção, preencher corretamente este campo.

Assinatura de boletim

Compartilhar

Produtos na vitrina

  • Pro Seal
  • Concrete Repar
  • Syntech Poliurea